6. PROTOCOLO DO ENSAIO CLÍNICO E EMENDA(S) AO PROTOCOLO

O conteúdo de um protocolo do ensaio deve em geral incluir os seguintes tópicos. Porém, informações específicas sobre o centro poderão ser fornecidas em páginas separadas do protocolo, ou tratadas em um acordo separado, e algumas das informações listadas abaixo poderão ser
incluídas em outros documentos de referência do protocolo, tais como a Brochura do Investigador.

6.1 Informações Gerais

6.1.1 Título do protocolo, número de identificação do protocolo e data. Todas as emendas também devem portar o(s) número(s) e data(s) da(s) emenda(s).

6.1.2 Nome e endereço do patrocinador e do monitor (se outro que não o patrocinador).

6.1.3 Nome e cargo da(s) pessoa(s) autorizada(s) a assinar o protocolo e a(s) emenda(s) ao protocolo para o patrocinador.

6.1.4 Nome, cargo, endereço e número(s) de telefone do especialista médico do patrocinador (ou dentista, conforme o caso) para o ensaio.

6.1.5 Nome e cargo do(s) investigador(es) que é(são) responsável(eis) por realizar o ensaio e o endereço e número(s) de telefone do(s) centro(s) de pesquisa.

6.1.6 Nome, cargo, endereço e número(s) de telefone do médico qualificado (ou dentista, conforme o caso), que é responsável por todas as decisões médicas (ou odontológicas) relacionadas ao centro de pesquisa (se outro que não o investigador).

6.1.7 Nome(s) e endereço(es) do(s) laboratório(s) clínico(s) e outro(s) departamento(s) médico(s) e/ou técnico(s) e/ou instituições envolvidas com o ensaio.

6.2 Informações Básicas

6.2.1 Nome e descrição do(s) medicamento(s) experimental(ais).

6.2.2 Um resumo dos achados de estudos não clínicos que potencialmente tenham alguma relevância clínica e dos ensaios clínicos que são relevantes para o ensaio.

6.2.3 Resumo dos riscos e benefícios potenciais e conhecidos, se houver, para os participantes.

6.2.4 Descrição e justificativa para a via de administração, dosagem, regime de dosagem e período(s) de tratamento.

6.2.5 Uma declaração de que o ensaio será realizado em conformidade com o protocolo, com as BPC e com a(s) exigência(s) regulatória(s) aplicável(eis).

6.2.6 Descrição da população a ser estudada.

6.2.7 Referências à literatura e aos dados que são relevantes para o ensaio e que estabelecem os fundamentos para o ensaio.

6.3 Objetivos e Finalidade do Ensaio

Uma descrição detalhada dos objetivos e da finalidade do ensaio.

6.4 Desenho do Ensaio

A integridade científica do ensaio e a credibilidade dos dados do ensaio dependem substancialmente do desenho do ensaio. Uma descrição do desenho do ensaio deve incluir:

6.4.1 Uma declaração específica dos desfechos primários e dos desfechos secundários, se houver, a ser mensurados durante o ensaio.

6.4.2 Uma descrição do tipo/desenho do ensaio a ser realizado (ex., duplo cego, controlado por placebo, desenho paralelo) e um diagrama esquemático do desenho, procedimentos e estágios do ensaio.

6.4.3 Uma descrição das medidas adotadas para minimizar/evitar viés, incluindo:

(a) Randomização.
(b) Cegamento.

6.4.4 Uma descrição do(s) tratamento(s) do ensaio e da dosagem e regime de dosagem do(s) medicamento(s) experimental(ais). Também incluir uma descrição da forma farmacêutica, da embalagem e da rotulagem do(s) medicamento(s) experimental(ais).

6.4.5 A duração esperada da participação dos participantes e uma descrição da sequência e duração de todos os períodos do ensaio, incluindo acompanhamento, se houver.

6.4.6 Uma descrição da "regras de interrupção" ou dos "critérios de descontinuação" para participantes individuais, partes do ensaio e todo o ensaio.

6.4.7 Os procedimentos de contabilidade para o(s) medicamentos(s) experimental(ais), incluindo placebo(s) e comparador(es), se houver.

6.4.8 Manutenção dos códigos de randomização do tratamento do ensaio e procedimentos para a quebra dos códigos.

6.4.9 A identificação de qualquer dado que deva ser registrado diretamente nos CRFs (isto é, nenhum registro prévio de dados manuais ou eletrônicos) e a ser considerado como um dado fonte.

6.5 Seleção e Retirada de Participantes

6.5.1 Os critérios de inclusão de participantes.

6.5.2 Os critérios de exclusão de participantes.

6.5.3 Os critérios (isto é, encerramento do tratamento com o medicamento
experimental/tratamento do ensaio) e procedimentos para retirada de participantes, especificando:

(a) Quando e como retirar participantes do ensaio/tratamento com o medicamento experimental.
(b) O tipo e periodicidade dos dados a serem coletados para os participantes retirados.
(c) Se e como, os participantes devem ser substituídos.
(d) O acompanhamento dos participantes retirados do tratamento do ensaio/medicamento experimental.

6.6 Tratamento de Participantes

6.6.1 O(s) tratamento(s) a ser(em) administrado(s), incluindo o(s) nome(s) de todos os produtos, a(s) dose(s), o(s) esquema(s) de dosagem, a(s) via(s)/modo(s) de administração e o(s) período(s) de tratamento, incluindo os período(s) de acompanhamento dos participantes para cada tratamento com o medicamento experimental/grupo de tratamento do ensaio/braço do
ensaio.

6.6.2 Medicamento(s)/tratamento(s) permitido(s) (incluindo medicação de resgate) e não permitido(s) antes e/ou durante o ensaio.

6.6.3 Os procedimentos para monitoramento da aderência dos participantes.

6.7 Avaliação da Eficácia

6.7.1 Especificação dos parâmetros de eficácia.

6.7.2 Os métodos e a periodicidade para avaliação, registro e análise dos parâmetros de eficácia.

6.8 Avaliação de Segurança

6.8.1 Especificação dos parâmetros de segurança.

6.8.2 Os métodos e a periodicidade para avaliação, registro e análise dos parâmetros de segurança.

6.8.3 Procedimentos para elaborar relatórios sobre eventos adversos e para registrar e notificar eventos adversos e doenças intercorrentes.

6.8.4 O tipo e a duração do acompanhamento de participantes após eventos adversos.

6.9 Estatística

6.9.1 Uma descrição dos métodos estatísticos a serem empregados, incluindo a periodicidade de qualquer análise interina planejada.

6.9.2 O número de participantes planejados para inclusão. Em ensaios multicêntricos, os números de participantes planejados para serem incluídos em cada centro de pesquisa devem ser especificados. O motivo para escolha do tamanho da amostra, incluindo reflexões sobre (ou cálculos do) poder do ensaio e sua justificativa clínica.

6.9.3 O nível de significância a ser usado.

6.9.4 Os critérios para encerramento do ensaio.

6.9.5 Procedimento para contabilizar dados faltantes, não utilizados e espúrios.

6.9.6 Procedimentos para notificar qualquer desvio do plano estatístico original (todos os desvios do plano estatístico original devem ser descritos e justificados no protocolo e/ou no final relatório, conforme o caso).

6.9.7 A seleção dos participantes a serem incluídos nas análises (ex., todos os participantes randomizados, todos os participantes tratados, todos os participantes elegíveis, participantes avaliáveis).

6.10 Acesso Direto a Dados/Documentos fonte

O patrocinador deve garantir que seja especificado no protocolo ou em um outro acordo por escrito que o(s) investigador(es)/instituição(ões) permitirão a monitoria, auditorias, revisão pelo CEP/CEI e inspeção(ões) regulatória(s) relacionados ao ensaio, concedendo acesso direto aos dados/documentos fonte.

6.11 Controle de Qualidade e Garantia da Qualidade

6.12 Ética

Descrição das considerações éticas relativas ao ensaio.

6.13 Manuseio de Dados e Manutenção de Registros

6.14 Financiamento e Seguro

Financiamento e seguro se não abordados em um acordo separado.

6.15 Política de Publicação

Política de publicação, se não abordada em um acordo separado.

6.16 Suplementos

(NOTA: Como o protocolo e o ensaio clínico/relatório do estudo estão estreitamente relacionados, outras informações relevantes podem ser encontradas no Guia do ICH para Estrutura e Conteúdo de Relatórios de Estudos Clínicos.).

TRADUÇÃO / SEM VALOR LEGAL / SOMENTE PARA USO PESSOAL

Próximos ensaios clínicos